(ENCERRADO) Projeto contrata: Assistente de monitoramento da biodiversidade aquática continental, com ênfase em pesca

(ENCERRADO)

Termo de Referência

Assistente de monitoramento da biodiversidade aquática continental, com ênfase em pesca.
Manaus, Amazonas, Brasil

Objetivo: Auxiliar o CEPAM e IPÊ na implementação dos protocolos de monitoramento de pesca em diferentes unidades de conservação

Perfil: Ter formação e/ou experiência na área de biologia, ecologia, engenharia de pesca ou áreas a fins, de preferência nível Mestrado. Desejável ter habilidade com planilhas eletrônicas e conhecimento básico de banco de dados. Ter experiência com recursos pesqueiros na Amazônia e apresentar habilidade para articulação com pescadores e comunidades tradicionais. Ter disponibilidade para viajar para as áreas a serem monitoradas e potencialmente trabalhar no final de semana quando for necessário para logística de trabalhos em campo.

Responsabilidades Principais

Participar da rotina do escritório em Manaus, apoiando o quadro técnico no planejamento, organização e mobilização comunitária para o monitoramento da pesca de subsistência. 

Apoio no diagnóstico da cadeia produtiva nos locais onde será aplicado o protocolo de pesca subsistência para definir o delineamento experimental do protocolo, definindo os níveis e estratégias de amostragem; 

Dar suporte nos eventos organizados pelo CEPAM/IPÊ, inclusive fazendo contato com os participantes, enviando convites, organizando os processos de solicitação de passagens e diárias, assim como organizando as prestações de contas de viagens.

Realizar a capacitação de famílias de pescadores para o monitoramento da captura de pescado. 

Realizar atividades de campo relacionadas ao monitoramento do protocolo de pesca na Rebio Abufari, Resex Baixo Juruá, Rebio Trombetas e RDS Itatupã-Baquiá.

Apoiar na mobilização dos pescadores no monitoramento de desembarque do tucunaré em Balbina/Rebio Uatumã.

Dar suporte para ações relacionadas aos acordos de pesca nas áreas apoiadas pelo Ipê na região amazônica.

Consolidar protocolo para pesca experimental, definindo as metodologias especificas das áreas a serem monitoradas.

Apoiar na digitação de informações e atualização dos bancos de dados do CEPAM/IPÊ. 

Apoiar equipe do CEPAM e IPÊ em outras demandas eventuais que surgirem relacionadas biodiversidade aquática em áreas protegidas.


Enviar currículo para Hercules Quelu: [email protected]

Perfil: Ter formação e/ou experiência na área de biologia, ecologia, engenharia de pesca ou áreas a fins, de preferência nível Mestrado. Desejável ter habilidade com planilhas eletrônicas e conhecimento básico de banco de dados. Ter experiência com recursos pesqueiros na Amazônia e apresentar habilidade para articulação com pescadores e comunidades tradicionais. Ter disponibilidade para viajar para as áreas a serem monitoradas e potencialmente trabalhar no final de semana quando for necessário para logística de trabalhos em campo.

 

Responsabilidades Principais

·         Participar da rotina do escritório em Manaus, apoiando o quadro técnico no planejamento, organização e mobilização comunitária para o monitoramento da pesca de subsistência.

·         Apoio no diagnóstico da cadeia produtiva nos locais onde será aplicado o protocolo de pesca subsistência para definir o delineamento experimental do protocolo, definindo os níveis e estratégias de amostragem;

·         Dar suporte nos eventos organizados pelo CEPAM/Ipê, inclusive fazendo contato com os participantes, enviando convites, organizando os processos de solicitação de passagens e diárias, assim como organizando as prestações de contas de viagens.

·         Realizar a capacitação de famílias de pescadores para o monitoramento da captura de pescado.

·         Realizar atividades de campo relacionadas ao monitoramento do protocolo de pesca na Rebio Abufari, Resex Baixo Juruá, Rebio Trombetas e RDS Itatupã-Baquiá.

·         Apoiar na mobilização dos pescadores no monitoramento de desembarque do tucunaré em Balbina/Rebio Uatumã.

·         Dar suporte para ações relacionadas aos acordos de pesca nas áreas apoiadas pelo Ipê na região amazônica.

·         Consolidar protocolo para pesca experimental, definindo as metodologias especificas das áreas a serem monitoradas.

·         Apoiar na digitação de informações e atualização dos bancos de dados do CEPAM/Ipê.

·         Apoiar equipe do CEPAM e IPÊ em outras demandas eventuais que surgirem relacionadas biodiversidade aquática em áreas protegidas.